(ANAIS) PORTFÓLIO E WEBFOLIO – FERRAMENTAS DE ENSINAGEM E AVALIAÇÃO NA FORMAÇÃO DO TERAPEUTA OCUPACIONAL NO CEARÁ, BRASIL

Ana Cléa Veras Camurça Vieira; Marilene Calderaro Munguba

Universidade de Fortaleza

e-mail – marilenemunguba@unifor.br

Atualmente, um dos principais desafios no ensino superior na área da saúde, é agregar a formação, o ensino, a gestão, atenção e controle social, em função da diversidade da demanda encontrada nas diferentes regiões do Brasil, bem como capacitar terapeutas ocupacionais, com ênfase nos princípios do Sistema Único de Saúde. Outro aspecto refere-se às mudanças no comportamento geracional, decorrentes dos avanços tec-nológicos, incitando novas formas de ensinagem a adultos. Justifica-se o estudo na relevância de compartilhar experiências em disciplinas de um curso de Terapia Ocupacional no nordeste brasileiro, realidade cultural, social e política que demanda terapeutas ocupacionais adequados à dinâmica histórica para a próxima década. Portanto, o estudo enfoca a estrutura e desenvolvimento da ferramenta do portfólio, além de estudos preparatórios para concepção de um produto final. Teve como objetivo descrever estratégias didático-pedagógicas como portfólio e webfolio entre docentes e discentes com a utilização da ferramenta em ambiente real e virtual. Trata-se de um relato de experiência, constitui-se estudo descritivo e qualitativo, realizado no período de 2009 a 2011 relativo às disciplinas de Anatomia Funcional, Motricidade Humana, Estratégias de Inclusão, LIBRAS. Participaram do estudo sete monitores envolvidos diretamente com o ensino e formação de futuros terapeutas ocupacionais, em sala de aula, laboratórios de informática, campos de atividades práticas e visitas técnicas no Centro de Ciências da Saúde da Universidade de Fortaleza, Ceará, Brasil. As informações foram obtidas por meio de rodas de conversa e analisadas a partir de análise temática. Identificou-se que a utilização da ferramenta requer o desenvolvimento de um projeto que envolva a avaliação e auto-avaliação respaldadas em critérios redimensionados pelo docente e discente, de forma coerente entre a escrita e a reflexão crítica. Promovem o desenvolvimento da metacognição pelo aprendiz, o que é determinante para a identificação de problemas, a busca e aplicação de estratégias de solução adequadas às demandas propostas. Permitem o desenvolvimento da criatividade, reflexões, aprofundamento teórico, tomada de decisões, potencializam habilidades e competências, caminhos e possibilidades encontradas pelo docente e discente durante a realização da ensinagem contextualizada, em especial às demandas da America Latina, região marcada pelo subdesen-volvimento e desigualdades sociais. Os alunos afirmaram ser o webfolio uma ferramenta multifacetada por transitar em diversos ambientes virtuais possibilitando a familiaridade do aprendiz com essas possibilidades de aprendizagem e auto-avaliação, associadas ao conhecimento das demandas latino-americanas e às culturas determinantes no estabelecimento do processo terapêutico e a mediação da inclusão social. Recomenda-se a aplicação criteriosa do portfólio e do webfolio na formação do terapeuta ocupacional nos aspectos ensina-gem, avaliação e auto-avaliação, promovendo aprendizagem com autonomia e habilidades para resolução de problemas, e consequentemente, preparando-o para o exercício profissional na América Latina.

Rev. Ter. Ocup. Univ. São Paulo, v. 22, Anais (suplemento especial). out. 2011

 

Anúncios

Deixe um comentário :)

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s