UMA ANÁLISE DO BRINCAR COMO RECURSO

Por: Heloise Peres

 

Brincadeiras

A brincadeira revela-se como um instrumento de extrema relevância para o desenvolvimento da criança. Sendo uma atividade normal da fase infantil, merece atenção e envolvimento. A infância é uma fase que marca a vida do individuo e o brincar nunca deve ser deixado de lado, mas, pelo contrário, deve ser estimulado, já que é responsável pelo auxílio nas evoluções psíquicas. (ROLIM et al., 2008)

 O brincar está diretamente relacionado com a aprendizagem, segundo Rolim et al. (2008), na brincadeira, reside à base daquilo que, mais tarde, permitirá à criança aprendizagens mais elaboradas. Sabe-se que ao longo do desenvolvimento o brincar toma novos contornos, adaptando-se as experiências e necessidades que vão surgindo no contexto de cada criança.

 O comportamento das crianças ao brincar, é fortemente determinado pelas situações e experiências encontradas em seu cotidiano, em situações concretas. Para Vygotsky (1998) ao brincar, a criança entra em contato com as regras, criando suas próprias normas e repetindo regras sociais do mundo adulto.

 Segundo Vygotsky (1998), os elementos fundamentais da brincadeira são: a situação imaginária, e as regras. Na situação imaginária a criança assume um papel, e este pode representar a imitação de um adulto e uma situação concreta, estando implícitas na brincadeira as regras de comportamento que são culturalmente constituídas na sociedade no qual se insere. De acordo com Rolim et al. (2008) não existe brinquedo sem regras, mesmo que não sejam as regras estabelecidas a priori; o brincar está envolvido em regras da sociedade.

 Vygotsky (1998) fala ainda que a criança experimenta a subordinação às regras ao renunciar a algo que deseja, e é essa renuncia de agir sob impulsos imediatos que mediará o alcance do prazer na brincadeira. (ROLIM et al., 2008) Podemos tomar como exemplo que: a criança não pode verdadeiramente ser mãe ou dirigir e para saciar esse desejo, ela propicia meios que de forma lúdica através da brincadeira ela possa suprir esse desejo e assim gerando verdadeiramente o prazer ao brincar.

O BRINQUEDO                                         

Em “A Formação Social da Mente”, Vygotsky (1998) traz também que, o brinquedo ajudará a desenvolver uma diferenciação entre a ação e o significado. Sendo o objeto capaz de fazer com que as crianças utilizem-se dele para externar suas emoções e construir um mundo ao seu modo. Para Vygotsky a criança satisfaz certas necessidades no brinquedo, necessidades que vão evoluindo e mudando ao longo do desenvolvimento.

Vygotsky (1998) afirma: “A essência do brinquedo é a criação de uma nova relação entre o campo do significado e o campo da percepção visual,ou seja, entre situações no pensamento e situações reais”. Essas relações irão permear toda a atividade lúdica da criança. Será também importante indicador do desenvolvimento da mesma, influenciando sua forma de encarar o mundo e suas ações futuras.

A liberdade para criar está limitada ao papel social, mesmo os objetos usados como brinquedo, com significado modificado, isto é, quando uma lata vira um bebê de colo, o limite da imaginação é o bebê. A criança nunca dará um significado a um objeto que seja algo que ela não conhece, assim, podemos dizer que o brinquedo e a brincadeira é a forma como a criança aprende a lidar com a sociedade à sua volta.

 Brinquedos

Referências

ROLIM, A. A. M. et al. Uma leitura de Vygotsky sobre o brincar na aprendizagem e no desenvolvimento infantil. Revista Humanidades, v.23, n.2, p. 176-180, jul/dez 2008. Disponível na nossa Biblioteca

VYGOTSKY, L. S. Aprendizagem e desenvolvimento intelectual na idade escolar. In: VIGOTSKY, L. S.; LURIA, A. R.; LEONTIEV, Alexis N. Linguagem, desenvolvimento e aprendizagem. Tradução de Maria da Penha Villalobos. 2. ed. São Paulo: Ícone, 1988. p.103-117.

VYGOTSKY, L. S. A formação social da mente. 6. ed. São Paulo: Martins Fontes, 1998.

Imagens  disponíveis em livre veiculação no images.Google.com

Anúncios

Deixe um comentário :)

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s